‘Parasita’ mostra o que muitos se negam a ver

Posted by Redator on 18 de março de 2020
0
Category: Blog
Não, não vou dar spoiler do filme ‘Parasita’, antecipando cenas que podem atrapalhar suas próprias percepções. Assim, se você ainda não viu o filme, pode ouvir o que tenho a falar. Parasita tem o poder de realizar uma espécie de parto a fórceps na mente do telespectador, visando eclodir uma empatia que negamos sentir pelos que vivem vidas tão próximas, e ao mesmo tempo tão distantes das nossas. O diretor do filme, Bong Joon-ho, realiza

A angústia provocada pela COVID-19

Posted by Redator on 18 de março de 2020
0
Category: Blog
A angústia provoca pela Covid-19 (o novo coronavírus) atingiu níveis tão altos que a Organização Mundial da Saúde divulgou diretrizes para proteger a saúde mental durante o surto. Diz a OMS “Evite assistir, ler ou ouvir notícias que o deixem ansioso ou angustiado; procure informações principalmente para tomar medidas práticas para preparar seus planos e proteger a si mesmo e a seus entes queridos ”, e acrescenta: “Procure atualizações de informações em horários específicos durante

Medo e Epidemias

Posted by Redator on 13 de fevereiro de 2020
0
Category: Blog
Quando o Ebola atingiu a África ou a gripe aviária (a influenza H5N1) começou na Ásia, um surto de medo invadiu a mente das pessoas, vindo através da mídia, das redes sociais, e para piorar, através das Fake News que criam cada vez mais desinformação, gerando um verdadeiro surto de paranoia. Não tem sido diferente com o Coronas Vírus. E por quê? Existem muitos antibióticos que combatem bactérias, já no caso dos vírus não estamos
A educação em si tem vários aspectos, entre os quais podemos destacar a relação professor-aluno e seu viés afetivo, muitas vezes ignorado. Hoje, várias pesquisas evidenciam o caráter afetivo dessa relação, bem como o fato de que isto está associado à aprendizagem. O objetivo desta palestra é refletir mais detidamente na construção e manejo de afetos na relação professor-aluno, ressaltando o quanto ignorar essa relação pode trazer prejuízos. A postura do professor em sala de
Somos o resultado das expectativas que temos de nós mesmos e do quanto acreditamos em nosso potencial. Muitos professores têm excelente formação, compromisso profissional, didática impecável, mas não conseguem bons resultados em sala de aula por não acreditarem em si como seres humanos. São pessoas com autoestima rebaixada e que comprometem sua vida pessoal e profissional numa crença infundada de que não são bons, não merecem a felicidade e se acostumaram com uma vida amarga.